sexta-feira, 7 de abril de 2017

velhos detritos

Se os olhos 
e os ouvidos
me fazem sofrer

não esperes
que eu acredite
no sonho efêmero
dos meus sentidos

corpos são meras
ampulhetas sobre as dunas
esperando que os deuses
as virem no final 

vida e morte
morte e vida
(ad infinitum?)

é lá onde mora o 
orgasmo tão fugaz
que deve ocorrer
a fratura 

a ampulheta quebrada na parte 
inferior verá seus sentidos temporais
se perderem no plexo solar

é nesse duro golpe que 
despertamos do sonho efêmero 
e o coração deixa de sofrer
por tudo que os olhos vêem

pois se eram apenas sonhos
então não há sofrimento nem prazer

ou tu consegues
esticar o tempo 
desses orgasmos
até o infinito(?)





/////////////////////////

Nenhum comentário:

Postar um comentário